sexta-feira, 30 de junho de 2017

Quase 36 mil jovens se imunizaram contra HPV em primeiro semestre de 2017


Cerca de 36 mil jovens entre 9 e 14 anos receberam a primeira dose da vacina contra o Papilomavírus Humano (HPV) no primeiro semestre de 2017 em Salvador. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a procura pela imunização ainda é considerada baixa na capital soteropolitana. Com a inclusão da faixa etária entre meninos de 11 a 14 anos e meninas de 9 a 14 anos, determinado pelo Ministério da Saúde, a SMS espera atrair maior interesse da população pela vacina. "A vacina oferece proteção eficaz contra o vírus, possibilitando com isso a prevenção do câncer de útero, reto e pênis, além de complicações genitais e na boca. As enfermidades decorrentes desse problema podem acompanhar um indivíduo para o resto da vida", explica Geruza Morais, diretora de Vigilância em Saúde . A vacina está disponível em 126 postos da capital durante o ano, de segunda a sexta-feira das 8h às 17h. Pessoas que convivem com HIV/Aids e que possuem entre 9 e 26 anos também devem ser vacinadas contra o HPV. Nesses caos, o reforço deve ocorrer em duas etapas, com intervalo mínimo de seis meses. No caso de crianças e adolescentes, o reforço apenas é aplicado uma vez, em um período mínimo de seis meses. BN 

Nenhum comentário:

Postar um comentário