sexta-feira, 30 de junho de 2017

Pedro Cordeiro diz que irá pedir novo adiamento do julgamento de João Macedo em Bonfim


Alegando cerceamento de defesa, o advogado Pedro Cordeira segue para Salvador nesta quinta-feira (29), com objetivo de pedir à Justiça o adiamento do julgamento do ex-policial, João Macedo, acusado de matar sua esposa Márcia há 6 anos atrás.
O Advogado alega que não foram fornecidos à defesa documentos importantes do inquérito realizado pelo delegado Dr. Felipe Neri, também pelo fato de a defesa querer ouvir o Perito Dr. Caetano, que fez os laudos no plenário do júri, Pedro Cordeiro alega que teve esse pedido negado pela promotora.
Baseado nessas negativas, o criminalista segue para a capital com esse intuito.
Comentários mais uma vez surgem diante desse novo capítulo dessa triste novela, tais como, “quem morre é quem perde a vida”, outros, “quem está sofrendo são os familiares dela”.
Recentemente a defesa pediu adiamento alegando falta de condições física, em virtude do Dr. Pedro ter feito cirurgia de redução de estomago, na qual deveria acontecer dia 13 de junho sendo adiado para o dia 18 de julho de 2017. João Macedo encontra-se custodiado na Delegacia Territorial de Bonfim, a disposição da justiça.
Blog do Netto Maravilha

Nenhum comentário:

Postar um comentário